Ensaio Vocal abre Artes de Março e Renato Teixeira é atração da segunga noite do festival
Renato Teixeira canta nesta terça no Artes de Março

Em quase 20 anos do Artes de Março, grandes nomes da música piauiense e brasileira emocionaram, animaram e marcaram a vida dos piauienses. Nesta segunda-feira (20) teve início mais uma edição do maior festival de cultura do Piauí no Teresina Shopping, com a proposta de fazer um resgate de grandes apresentações ao longo desses anos.

O Ensaio Vocal, que já participou de três edições do Artes de Março, iniciou a programação musical apresentando um espetáculo que contou um pouco dos 26 anos de história do grupo musical e trouxe grandes clássicos de cantores e poetas, como Chico Buarque e Torquato Neto.

Segundo uma das cantoras do grupo, Luiza Miranda, a história do Ensaio Vocal possui uma forte relação com o Artes de Março. “Em 2013 fizemos um show em homenagem ao Vinícius de Moraes e apresentamos pela primeira vez no festival. Outro momento muito especial foi uma edição que realizamos o ‘Ensaio na Boutique’. Nessa ocasião ficamos durante todo o mês no shopping vendendo nossos produtos e fazendo ensaios abertos ao público, que recebeu a ideia da melhor maneira possível”, afirmou.

Essa capacidade de unir o melhor da música popular brasileira é uma das fórmulas do Ensaio Vocal, que foi criado em 1990 e vem ao longo dos anos alcançando grandes resultados e uma legião de fãs. “Nós temos paixão pelo que  fazemos, paixão pela escolha que fizemos há anos atrás e a música vem do nosso coração”, ressaltou Luiza Miranda.

Paixão é o que também não vai faltar na apresentação do cantor Renato Teixeira, a grande atração do segundo dia de Artes de Março. A partir das 19:30h,  o cantor cantará grandes clássicos como Romaria, Tocando em frente, Dadá Maria, entre outros.

Natural de Santos (SP), Renato herdou de sua família o interesse pela música, especialmente do seu avô, que tocava bombardino. Já nos anos 60, ele se mudou para São Paulo e conheceu o mercado da música.

Com fortes raízes da música caipira, Renato tem como projeto de vida dar continuidade ao sonho de divulgar e difundir o espírito do caipirismo valeparaibano. Não pela repetição das velhas formas e sim pelo potencial que esse universo cultural oferece, para que a música brasileira siga avançando em direção ao futuro. Coerente com a evolução, naturalmente moderna.

Comentários

Notícias Relacionadas

MEC desqualifica cinco faculdades de ensino superior no Piauí como as piores do Brasil entre 2015-2017
Boca da Noite é aberto com show de três músicos piauienses
Câncer mata cantor Jerry Adriani aos 70 anos no Rio de Janeiro e Jovem Guarda perde mais um ídolo
Rock in Rio fecha parceria com a rede hoteleira do Rio para fortalecer economia
Projeto com humoristas do Piauí e Ceará em show beneficente
TV JORNAL DA CIDADE
Untitled Document
Heráclito Fortes é hostilizado por petistas ao chegar a Teresina
Mais Videos

Untitled Document

Por Safira Bengell: Badalações em Teresina e no Rio de Janeiro
O Boato de Enéas Barros
QUEM REALMENTE MANDA NO BRASIL?
Socorro!!!

Untitled Document

Diego Albert Web Desenvolvimento

Mapa do site


Jornal da Cidade 2003-2011 © Todos os direitos reservados.
É permitido a reprodução do conteúdo deste portal desde que citado com fonte.