Carro de jovem desaparecido é achado incendiado em Timon; polícia faz perícia em corpo

O delegado Antônio Valente confirmou que o corpo encontrado às margens da BR-226, em Timon, é do jovem Marco Antônio, 30 anos, que estava desaparecido há oito dias. A arcada dentária foi fundamental para a identificação da vítima. Fatores externos como o óculos e o documento veículo também auxiliaram a Polícia Civil. 

"O IML já fez a identificação da vítima e está sendo feita perícia para identificar as causas da morte", disse Valente que não revelou informações sobre a motivação do crime.

Marco Antônio era administrador e trabalhava como auxiliar de compras há 14 anos na R.Damásio. A empresa informou ao Cidadeverde.com que  os funcionários serão liberados para prestar a última homenagem ao amigo de trabalho. 

Ainda não há informações sobre o velório. 

Matéria ampliada às 10h26

O Instituto Medico Legal de Timon realiza agora exame na arcada dentária do corpo encontrado próximo ao carro incendiado. A suspeita é que o cadáver seja de Marco Oliveira. 

Familiares do rapaz estão no IML e não quiseram falar com a imprensa. 

O delegado Antônio Valente, da Delegacia de Homicídios de Timon, reforça que só após perícia serão revelados a identidade e causa da morte devido ao avançado estado de decomposição do corpo.

"Ainda não temos muitas informações. Apenas, que ele foi visto pela última vez no dia 04, quando saiu de casa e disse: vou ali resolver um problema. Depois o carro dele foi visto entrando em Timon por volta das 14h do mesmo dia. O reconhecimento do corpo está sendo difícil devido ao estado de decomposição, praticamente só a ossada. No local encontramos o carro dele queimado e um corpo do lado, mas não estava carbonizado.", declarou. 

Antônio Valente disse ainda que as imagens das câmeras de segurança que mostram o jovem atravessando a cidade serão analisadas com mais precisão no intuito de identificar se Marco Oliveira estava sozinho no carro. 

Ele ressalta também que o fato do carro da vítima ter sido incendiado é um forte indício de que o suspeito tentou apagar provas que pudessem levar a autoria do crime. 

Matéria original postada às 8h04

Policiais militares encontraram um corpo e localizaram um carro incendiado na BR-226, município de Timon-MA. A suspeita é que a vítima seja Marco Antônio de Oliveira que desapareceu há oito dias após sair da casa onde morava com o pais no bairro Vermelha, em Teresina. 

Dois dias após o sumiço, o celular do jovem foi rastreado em uma casa em Timon, mas durante averiguação, a polícia descobriu que o local estava abandonado. 

Familiares do jovem foram acionados e reconheceram pertences do jovem dentro do veículo queimado. Esperançosos, familiares haviam divulgado cartazes oferecendo recompensa para que oferecesso informações sobre o paradeiro do jovem.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Timon, onde será identificado se a vítima é realmente Marco Antônio. 

 

Cidadeverde.com

Comentários

Notícias Relacionadas

Comparada à Lava Jato, "Operação Pastor" deve prender mais políticos no Piauí e em Brasília
Tenente do Exército enciumado mata namorada e fere irmã e amiga após farra em botequim
No primeiro dia de audiência 12 testemunhas da morte de cabo do Bope são ouvidas
Polícia Federal desarticula no Piauí bando que desviou R$ 1,15 milhão
Carro de jovem desaparecido é achado incendiado em Timon; polícia faz perícia em corpo
TV JORNAL DA CIDADE
Untitled Document
Heráclito Fortes é hostilizado por petistas ao chegar a Teresina
Mais Videos

Untitled Document

Por Safira Bengell: Badalações em Teresina e no Rio de Janeiro
O Boato de Enéas Barros
QUEM REALMENTE MANDA NO BRASIL?
Socorro!!!

Untitled Document

Diego Albert Web Desenvolvimento

Mapa do site


Jornal da Cidade 2003-2011 © Todos os direitos reservados.
É permitido a reprodução do conteúdo deste portal desde que citado com fonte.