Últimas
  Justiça investiga quadrilha que fraudava INSS no Piauí // Previdência Social // Governo quer destruir universidades públicas // Ciro Gomes diz que Reforma massacra os professores // Sergio Moro é um canalha, afirma Ciro Gomes //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
 
Polícia já prendeu 34 bandidos e vai continuar operação nesta 5a

Polícia amanheceu o dia na porta dos bandidos

A Polícia Civil do Piauí informou no final da tarde desta quarta-feira (10) que novos 14 mandados de prisão foram cumpridos na Operação Impacto, chegando a 34 presos. Além das prisões, houve a apreensão de um menor, quatro armas de fogo, entorpecentes e dinheiro.

As novas prisões foram efetuadas em mais oito cidades: São João do Piauí, Piripiri, Parnaíba, José de Freitas, Pedro II, Picos, Floriano e Piracuruca. Os mandados de prisões já foram cumpridos em Água Branca, Altos, Inhuma, Oeiras, Uruçuí e Teresina.  Dois homens foram presos no Maranhão, um na cidade de Timon e outro em Bacabal.

A operação foi deflagrada por determinação do Delegado Geral Luccy Keiko, sob coordenação do Gerente de Polícia Especializada, Delegado Matheus Zanatta, com o intuito de dar cumprimento a mandados de prisão, assim como realizar ações em casos de flagrante.

Entre os crimes evidenciados estão os de furtos, roubos, estelionatos, tráfico de drogas, estupros, homicídios e outros.

A Operação Impacto prossegue e um novo balanço com resultados da ação será divulgado nesta quinta-feira (11).

"O alvo da operação são criminosos que cometeram crimes graves e estão foragidos da Justiça", disse o delegado o Matheus Zanatta, da Gerência de Polícia Especializada (GPE).

Entre os presos está Hélio Alves Ferreira, localizado em Teresina com mandado de prisão por crime de estupro e roubo em 2015. Os mandados de prisões já foram cumpridos em Água Branca, Altos, Inhuma, Oeiras, Uruçuí e Teresina.  Dois homens foram presos no Maranhão, um na cidade de Timon e outro em Bacabal.

Além da prisão em flagrante, o menor apreendido é suspeito de tentativa de homicídio e furto qualificado.  "As diligências seguem. Ainda não recebemos o resultado da Depre, DHPP. A operação segue até amanhã no final da manhã. Esse número deve aumentar significamente", adianta Keico. 

O homem preso por estupro foi detido no 8º Distrito Policial. Em Água Branca, uma das pessoas foi presa por homicídio. Dentre os presos, há uma mulher. Marlene Rodrigues da Silva foi presa por envolvimento em tráfico de drogas. 

O perfil da operação são crimes graves, em sua maioria roubo, homicídio, estupro, e tráfico de entorpecentes. "Normalmente essas pessoas que cometem crimes graves, elas reiteram as práticas criminosas", destaca Zanatta para o impacto queo cumprimento dos mandados terão para a segurança pública.




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com