Últimas
  Milhares de brasileiros acionam o Procon contra a Eletrobras // Ambulantes voltam a ocupar ruas do centro // Lula previu sua prisão na primeira campanha presidencial // MP denuncia esquema de propina na PM do Piauí // Governo manda servidor se virar sobre empréstimos //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
 
Morre, aos 67 anos, o cantor português Roberto Leal

Cantor faleceu na manhã desto domingo (15).

O cantor português Roberto Leal morreu, na manhã deste domingo (15/9), aos 67 anos. O artista estava internado desde 11 de setembro no Hospital Samaritano, em São Paulo, após uma reação alérgica a um medicamento. 

Ao Correio, a assessoria de imprensa do hospital confirmou o falecimento. No entanto, não revelou informações sobre as causas da morte. Ao G1, a assessoria de imprensa do português afirmou que ele teve complicações em decorrência de uma insufiência renal.

Há dois anos, ele lutava contra um câncer. Neste ano em entrevista a Veruska Boechat, no programa Aqui na Band, falou sobre a morte. "Você estar na beira de partir desse mundo, você quer ficar mais um pouquinho. E quer ficar mais por quê? Para ver crescer suas netas, para ver a vitória de seus filhos, deixar sua companheira em paz", disse, de forma emocionada, sobre não querer se entregar para a doença.

VÍDEO - APRESENTAÇÃO DE ROBERTO LEAL

De Macedo de Cavaleiros, em Portugal, Roberto Leal chegou ao Brasil com 11 anos. Nos anos 1970 fez sucesso no país com o hit Arrebita após aparecer no programa Discoteca do Chacrinha. Ao longo da carreira, sempre valorizou a música portuguesa, cantando fados e músicas em que misturava ritmos brasileiros e lusitanos. De 1973 a 2006, lançou um disco por ano.




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com