Últimas
  Wellington Dias reage às declarações de Firmino // PRF abusa e humilha motoristas nas estradas durante o carnaval // Quem são as vítimas do acidente em Campo Maior // PRF registra maior número de acidentes na rodovia BR-343 // Aberta a temporada de mortes nas estradas durante o carnaval 2020 //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
 
Aposentados são maltratados no Bradesco

Aqui, o descaso com os idosos é gritante

Clientes e aposentados do INSS que recebem seus parcos trocados a cada mês nas agências do Bradesco no Piauí, são maltratados nas filas e caixas, pela falta de estrutura e péssimo atendimento aos idosos.

Todo mês falta dinheiro para pagar aos aposentados, que padecem nas longas filas desorganizadas e sem critérios. Muitos desistem e vão embora, alegando stress e ansiedade. Isto, fora os desentendimentos entre as pessoas que furam as filas.

Indagada sobre o descontrole mensal do banco, a gerente da agência da Piçarra, de nome Denize, tentou justificar a falta de dinheiro nos caixas e o não funcionamento dos demais na hora de pico do pagamento.

“A culpa é dos caixas eletrônicos e do carro forte que abastece a agência, que sempre chega atrasado. Nós não podemos fazer nada”, vociferou a não preocupada gerente.


Idosos e clientes passam momentos de desespero nas filas do Bradesco

A maioria dos aposentados, muitos acima dos 80 anos, passa mal e não aparece um funcionário do citado banco para oferecer um copo com água ou uma cadeira para amenizar o sofrimento dos miseráveis que dependem desse “trocado” para sobreviver.

Se a culpa não  é do banco, de quem é, então? – indagou um senhor que observava a vã justificativa da gerente. Ela ainda ressaltou que para a manutenção dos caixas eletrônicos teem que pagar uma equipe particular por fora.

Ora bolas, se esta é uma das principais ferramentas do banco, por que não agem com antecedência e responsabilidade para que o fato não se repita costumeiramente todo mês? A população tem que reagir e exigir os seus direitos nem que seja acionando o Ministério Público e o Procon, na tentativa de barrar o abuso.

 

 




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com