Últimas
  Wellington Dias reage às declarações de Firmino // PRF abusa e humilha motoristas nas estradas durante o carnaval // Quem são as vítimas do acidente em Campo Maior // PRF registra maior número de acidentes na rodovia BR-343 // Aberta a temporada de mortes nas estradas durante o carnaval 2020 //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
 
Imóveis de Teresina desvalorizam, mas IPTU sobe 3,86%

Contribuintes começam a procurar forma de parcelamento (Foto - José Alves)

Apesar da crescente desvalorização dos imóveis em Teresina devido à crise financeira que ainda atormenta o país, o prefeito Firmino Filho (PSDB), já começou a enviar carnês para pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano 2019 (IPTU) com aumento de 3,86%.

O aumento está condicionado à inflação de 2018, que é definida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial (IPCA-E). O tributo é destinado ao custeio de serviços, obras na cidade e caixa dois para as próximas eleições municipais.

Segundo a prefeitura, este ano, cerca de 329 mil imóveis devem contribuir com o IPTU. A gestão fez um balanço da arrecadação do imposto no ano de 2018, que chegou a R$ 86 milhões. Com 65 mil terrenos aptos a pagarem o IPTU 2019, 235 mil imóveis residenciais e 29 mil imóveis comerciais, a expectativa da SEMF é que sejam arrecadados R$ 79 milhões este ano.

O Centro de Atendimento ao Público (CAP) já registra movimentação intensa de teresinenses que estão optando por pagar o IPTU antecipadamente. O coordenador especial da Receita do Município, Alexandre Castelo Branco, estimou que, com o IPTU 2018, a Prefeitura de Teresina conseguiu arrecadar cerca de R$ 71 milhões. “Se contarmos com os créditos que foram recuperados através do Programa de Pagamento Incentivado (PPI), que encerrou em março de 2018, esta arrecadação específica com o IPTU sobe para cerca de R$ 86 milhões”, destaca. 

Com relação aos carnês de pagamento do IPTU e da taxa de coleta de lixo, a estimativa, segundo a SEMF, é que eles sejam entregues aos contribuintes até este mês, com data de vencimento da cota única ou da primeira parcela para o dia 29 de março. Quem fizer o pagamento à vista, até o dia do vencimento, terá desconto de 7%. Quem optar pelo parcelamento do tributo,  pode dividir em até 6 vezes, obedecendo o valor mínimo de R$ 10,00 da parcela. E os que decidirem dividir o débito também não terão direito ao desconto.

“25% do montante arrecadado com o IPTU é destinado para a Educação, cerca de 36% para a Saúde, fora os investimentos em assistência social, obras de urbanismo, reparos e manutenção das estruturas que já existem”, explica Alexandre.

 




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com