Últimas
  Acaba greve e ônibus voltam a circular em Teresina // Ciro diz que governador o mandou para a oposição // Governador vai exonerar todos os agregados de Ciro Nogueira // Prefeitura de Teresina vai distribuir insulina grátis // Polícia Civil prende bandidos perigosos na operação Fênix //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
 
Abandonadas e sucateadas, delegacias não atendem

As delegacias e distritos se tornaram onoperantes

Aproveitando a fase da pandemia para ter mais folga no trabalho, as delegacias e distritos policiais do Piauí tornaram-se “casas mal assombradas”, sem ninguém para prestar uma informação, a não ser, raramente o escrivão ou escrivã de plantão para os cupins não tomarem de conta do local.

Quem procura um desses estabelecimentos da segurança pública do Estado para registrar uma ocorrência, se depara com o abandono e a falta de interesse e educação de quem ainda se dispõe atende-los. As pessoas são todas niveladas como se fossem bandidos.

O que já era ruim, agora ficou muito pior. A resposta é sempre a mesma: “atendimento agora, só depois da pandemia”, diz o servidor com ar de cansaço, que relaxava ao cutucar um celular. Ao indagar como poderia fazer um B.O – Boletim de Ocorrência, o/a visivelmente estressado(a) atendente diz: “anote aí na parede o número do telefone daqui que o senhor(a) pode ter sorte de o delegado estar presente.

NECESSIDADE

Bem que o governador poderia também incluir no seu decreto de prioridades, o atendimento nas delegacias e distritos policiais da cidade, afim de solucionar problemas da segurança pública, tão  necessário quanto os hospitais.

Recentemente, através da Comissão de Apoio às Vítimas de Violência (CAVV) , fez uma vistoria no prédio que abriga as delegacias especializadas de Teresina e a situação encontrada no local foi abandono, insalubre e de risco para quem procura os serviços.

A comissão foi acionada através de denúncias da população e constatou que o complexo não possui condições de atender às vítimas não só pelo estado precário do prédio, como também pela presença de profissionais em número insuficiente para dar conta de toda a demanda.

A advogada Alba Vila Nova explicou que a situação é mais precária nas delegacias do Idoso e da Mulher, mas que o complexo como um todo não é limpo nem higienizado, segundo as recomendações da Organização Mundial da Saúde, para este momento de pandemia. A sala menos precária funciona no terceiro andar do prédio, mas o local não possui acessibilidade para idosos e portadores de necessidades especiais.

 




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com