Últimas
  STJ: corte dos parentes, ministros e seus familiares, diz revista Crusoé // Conheça os candidatos a prefeito de Teresina 2020 // Arcebispo de Teresina pede a reabertura das igrejas // Jornalistas lamentam morte de Kairo Amaral da TV Clube // Empresas brasileiras querem comprar os Correios //
 


www.jornaldacidadepi.com.br

 
 
Decretos da PMT viram o samba do crioulo doido

Prefeitura não sabe mais o que fazer com reabertura do comércio

A partir desta sexta-feira (24) voltam a valer as medidas restritivas de funcionamento das atividades econômicas nos finais de semana. As restrições foram implementadas pela Prefeitura de Teresina com o objetivo de aumentar os índices de isolamento social durante o processo de retomada da economia em Teresina.

Na sexta (24) estarão autorizados a funcionar mercados, supermercados, hipermercados e congêneres; panificadoras e padarias; serviços bancários; casas lotéricas; atividades de distribuição e comercialização de combustíveis; farmácias e drogarias, serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta; órgãos e profissionais de comunicação; situações comprovadas de urgências e emergências; e serviços de transportes de cargas.

As restrições são ainda mais severas no sábado (25) e domingo (26), podendo funcionar apenas farmácias e drogarias; serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta e situações comprovadas de urgências e emergências.

Serviços públicos como energia elétrica, saneamento básico, funerários, segurança pública, telecomunicações e radiodifusão, além de estabelecimentos que funcionam operando fornos, em turnos ininterruptos de 24h, estão autorizados a funcionar neste período, respeitando as determinações sanitárias para a contenção no novo coronavírus, inclusive, quanto aos atendimentos emergenciais.

Essas medidas mais rígidas de isolamento social foram aplicadas em todos os finais de semana de julho como uma forma de reforçar o isolamento social durante o processo de reabertura das atividades econômicas em Teresina. “Tudo que estamos fazendo é no sentido de melhorar nossos índices e reduzir a disseminação do vírus, porque esse é um dos critérios para avançarmos nessa retomada. Por isso frisamos que esses setores que estão voltando devem obedecer aos protocolos de segurança. E nos finais de semana, é estritamente necessário o cumprimento das medidas mais rígidas de isolamento”, disse.

A primeira etapa da Fase 2 está marcada para iniciar no dia 27 de julho, quando estarão autorizados a funcionar o comércio atacadista e varejista de itens não essenciais, como eletrodomésticos, além de pet shop, agências de viagens, serviços administrativos, de edifícios, missas, serviços religiosos e espaços abertos de parques, reservas naturais e zoológico. Atividades físicas em espaços abertos também serão permitidas.

A fiscalização das medidas restritivas é feita pela Guarda Civil Municipal e vigilância sanitária municipal, em articulação com os serviços de vigilância sanitária federal e estadual, e com o apoio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS), da Polícia Militar, da Polícia Civil e da Secretaria de Transportes – SETRANS/PI.

O descumprimento das restrições resulta em aplicação de multa, podendo evoluir para interdição total da atividade e cassação de alvará de localização e funcionamento.

Com informações do 180 Graus




 







A notícia em Primeiro Lugar

Uma publicação do
Instituto Nonato Santos e
VND - Comunicação
Rua Tiradentes, 1358
(86) 3222-5832

 



Fale Conosco

O nosso propósito é levar a informação a todos os recantos do Piauí, do país e do mundo, com imparcialidade e respeito.

COMO ANUNCIAR

Para anunciar no Jornal da Cidade, basta ligar para:

(86) 99942-2747 - (86) 3222-5832 - (86) 99520-1308, ou pelos E-mais:
vilsonsanttos@bol.com.br
nilson_1@hotmail.com